domingo, 23 de novembro de 2014

PRIMEIRO AMOR - Professor Pádua


"Conheço as suas obras, o seu trabalho árduo e a sua perseverança. Você tem perseverado e suportado sofrimentos por causa do meu nome, e não tem desfalecido. Contra você, porém, tenho isto: você abandonou o seu primeiro amor. Lembre-se de onde caiu! Arrependa-se e pratique as obras que praticava no princípio. Se não se arrepender, virei a você e tirarei o seu candelabro do seu lugar." (Apocalipse 2:2-5)

Os cristãos geralmente pensam que afastar-se do Senhor é como engajar-se em um pecado grave. Se alguém peca de maneira grave então dizemos que ele caiu.

“Eles costumavam ir à igreja, mas agora ficam o tempo todo no bar. Eles caíram.”

Raramente imaginamos alguém sentado nos bancos da igreja nas manhãs de domingo como alguém que possa estar caído. Deve estar bem com o Senhor, pensamos. Sim, porque ainda o vemos na igreja fazendo todas as coisas que os cristãos deveriam fazer.

Mas não se deixe enganar.
Olhe para Apocalipse 2. Jesus diz à igreja de Éfeso: "Você tem perseverado e suportado sofrimentos por causa do meu nome, e não tem desfalecido. Contra você, porém, tenho isto: você abandonou o seu primeiro amor." (versículos 3-4) .

Perceba o seguinte: você pode sentar-se no banco de uma igreja e estar caído, porque você abandonou o amor que tinha no passado por Deus.

Este é um ponto importante para entender.
Perder o primeiro amor é o início do processo do pecado. Se você cair, arrependa-se e volte para seu primeiro amor.

Nos abençoe!
a) Siga-nos no blog - http://professorpadua.blogspot.com.br/
b) Curta a nossa página - https://www.facebook.com/pages/Professor-Pádua/163391750483474
c) Nos ADD - https://www.facebook.com/professorpadua.ipb

LUGAR DE PESSOAS IMPERFEITAS - Professor Pádua


A igreja é um lugar de pessoas imperfeitas, que resulta do fato de estarmos nela. Este lugar imperfeito é, no entanto, o único espaço em que todos são bem-vindos.

São bem-vindas as crianças. São bem-vindos os adolescentes.
São bem-vindos os jovens. São bem-vindas os maiores de idade.
São bem-vindos os idosos. São bem-vindos os saudáveis e os doentes.
São bem-vindos os pobres, os "remediados" e os ricos; os generosos e os sovinas; os cônjuges fiéis e os cônjuges infiéis.
São bem-vindas as mulheres. São bem-vindos os homens.

Para entrar numa igreja, não precisa atestado de bons antecedentes e de ninguém se exige curriculum vitae. Não se faz pesquisa sobre a idoneidade do interessado, nem carta de apresentação. O único requisito para participar é o desejo de pertencer.

A porta de entrada de uma igreja tem a mesma largura da porta de saída.
Alguns vêm e têm satisfeitas as suas necessidades e vão.
Se foram curados, foram curados pela comunidade.
Como não entenderam, partiram.
Outros vêm, não gostam e vão.
Quem está espera que voltem.

Outros vêm e ficam;
não só ficam, como se envolvem e fazem a igreja crescer.
O verdadeiro crescimento da igreja está na realização de sua missão que se desdobra em torno do essencial: oferecer a graça de Jesus Cristo a todos, aos de dentro e aos de fora, aos de perto e aos de longe, aos conhecidos e aos desconhecidos.
Ela pode, por exemplo, enviar uma oferta para construir uma igreja ou uma escola ou hospital para pessoas distantes cujos rostos nunca verá e cujo nome nunca saberá.

Entre os que estão na igreja, uns a valorizam e outros a depreciam.
Uns vêm sempre, outros irregularmente.
Uns são dizimistas e outros nunca ou raramente contribuem; valorizam tanto o dinheiro, que ainda não sabem qual a razão da existência dele.
Uns se empenham, participando com dedicação, e outros se parecem com consumidores numa loja de departamentos: pegam o que querem (um sermão, uma aula, um abraço, uma música, um cuidado), com a diferença que nada pagam.
E essas pessoas, com atitudes tão dispares, se sentam uma do lado da outra. Não são classificadas ou desclassificadas por isto, porque estas atitudes ficam no foro da intimidade.

A igreja tem tudo para não dar certo, mas dá. E dá porque é uma providência de Deus, que a dirige, assiste, conduz e supre.
Se a igreja segue para direção errada, Deus a corrige.
Se a igreja desanima, Deus a fortalece.
Se a igreja perde o rumo, Deus a reorienta.
Se a igreja tem necessidades, Deus a supre.
O insucesso da igreja se deve a sua desobediência.
O sucesso da igreja se deve a sua obediência.

Nos abençoe!
a) Siga-nos no blog - http://professorpadua.blogspot.com.br/
b) Curta a nossa página - https://www.facebook.com/pa…/Professor-Pádua/163391750483474
c) Nos ADD - https://www.facebook.com/professorpadua.ipb

AOS PÉS - Professor Pádua


"Respondeu o Senhor: 'Marta! Marta! Você está preocupada e inquieta com muitas coisas; todavia apenas uma é necessária. Maria escolheu a boa parte, e esta não lhe será tirada'." (Lucas 10:41-42)

Certa vez li sobre uma escultura em granito de Jesus feita em tamanho real por um artista dinamarquês chamado Thors Walden.

Walden esculpiu o corpo de Cristo de tal maneira que você não pode ver o seu rosto se estiver de pé. Porém, ao lado da estátua há uma placa que diz: "Se você quiser ver o rosto de Jesus, deve sentar-se a seus pés."

Com certeza, se você se abaixar ao pé da estátua, poderá olhar para cima e ver claramente o rosto de Jesus. Há uma grande verdade espiritual aqui. Se você quiser ver o rosto de Jesus, você deve sentar-se aos Seus pés.

Maria de Betânia ilustrou isso quando o Senhor visitou ela e sua irmã, Marta. Enquanto Marta estava na cozinha ocupada em preparar uma refeição para Jesus, Maria sabiamente reconheceu que aquela era uma oportunidade única. Em vez de ajudar sua irmã na cozinha, sentou-se aos pés de Jesus para aproveitar cada palavra dEle.

Enquanto isso, Marta ficava cada vez mais frustrada, porque havia muito trabalho a fazer. Ela finalmente saiu e disse: "Senhor, não te importas que minha irmã tenha me deixado sozinha com o serviço? Dize-lhe que me ajude! " (Lucas 10:40).

Jesus simplesmente respondeu: "Marta! Marta! Você está preocupada e inquieta com muitas coisas; todavia apenas uma é necessária. Maria escolheu a boa parte, e esta não lhe será tirada". (versos 41-42).

A moral da história é que precisamos reconhecer que há um tempo para trabalhar e há um tempo para adorar. Há um tempo para ser ativo para o Senhor e há um tempo para sentar-se aos Seus pés.

Você se tornou tão encantado com as tarefas da vida diária que tem se esquecido de tirar um tempo para sentar-se aos pés de Jesus? Aproveite o tempo, porque se você quiser ver o rosto de Jesus, você deve sentar-se aos Seus pés.

Nos abençoe!
a) Siga-nos no blog - http://professorpadua.blogspot.com.br/
b) Curta a nossa página - https://www.facebook.com/pa…/Professor-Pádua/163391750483474
c) Nos ADD - https://www.facebook.com/professorpadua.ipb

domingo, 9 de novembro de 2014

MENTIR... - Professor Pádua


Lemos que "suave é ao homem o pão da mentira, mas depois a sua boca se enche de pedrinhas" (Provérbios 10.17). O vulgo tem outro aforismo para dizer a mesma verdade: "a mentira tem pernas curtas".

No entanto, a mentira nos seduz,
talvez por causa do seu bônus imediato.
Às vezes, sabemos que mentimos.
Às vezes, não temos consciência de nossa mentira, que continua mentira.
A impunidade estimula a mentira.
Mentira é o que ela é, descoberta ou não.
Os resultados convidam à mentira.
Mentira é castelo edificado sobre areia.
Mentimos pelo prazer de mentir.
Mentimos pelo medo da verdade.
Mentimos porque queremos agradar.
Mentimos porque queremos manipular.
Mentimos porque queremos parecer o que não somos.

Mentimos, mesmo sabendo que nossa boca depois vai se encher de pedrinhas, pedrinhas que talvez ninguém veja, mas cujo sabor sabemos quão amargo é.

Nos abençoe!
a) Siga-nos no blog - http://professorpadua.blogspot.com.br/
b) Curta a nossa página - https://www.facebook.com/pa…/Professor-Pádua/163391750483474
c) Nos ADD - https://www.facebook.com/professorpadua.ipb

OPORTUNIDADES - Professor Pádua


"O que tinha recebido cinco talentos trouxe os outros cinco e disse: ‘O senhor me confiou cinco talentos; veja, eu ganhei mais cinco’. O senhor respondeu: ‘Muito bem, servo bom e fiel!' [...]" (Mateus 25:20-21)

Quando jovem, Alan Redpath era um contador bem-sucedido. Um dia, estava conversando com um amigo cristão quando o amigo lhe disse: "Alan, pode acontecer de se ter a alma salva, mas a vida desperdiçada."

Redpath nunca esqueceu essas palavras. Ele sabia que era culpado de ter a alma salva e a vida desperdiçada. Ele orou: "Senhor, quero a Sua vontade para mim. Não quero desperdiçar a minha vida. Eu a dedico a Você."

Deus mudou a direção de Redpath e ele no fim tornou-se evangelista, pastor, escritor, presidente de organizações missionárias e reitor de uma escola de estudos bíblicos. Ele serviu a Deus até o fim da sua vida.

Talvez alguns de nós tenhamos a alma salva, mas a vida desperdiçada. Em outras palavras: podemos conseguir a garantia do céu, mas desperdiçar a vida aqui na terra. Isto acontece quando não servimos a Cristo em nível máximo.

A vida de todas as pessoas é cheia de oportunidades para servir ao Senhor.
O problema é o que fazemos com essas oportunidades. Deixamos que escapem?
Ou as aproveitamos e servimos ao Senhor para que possamos ouvi-lo dizer: "Muito bem, servo bom e fiel"?

Se você deseja ouvir essas palavras, faça na sua vida uma mudança como a que Alan Redpath fez. Tome o que Deus lhe deu e tire o máximo proveito.

Talvez você diga pra si mesmo: "Mas eu não tenho muito"!
Pois eu digo que você tem tudo do que precisa. Tem o precioso dom de Deus, Jesus Cristo. Tem o Espírito Santo para capacitá-lo.

Deus introduziu na sua vida certos dons para a Sua glória. Isso quer dizer que sua vida é valiosa.
Tome o que Deus lhe deu e dedique isso à glória d'Ele.
Depois, veja só o que Ele então fará.

Nos abençoe!
a) Siga-nos no blog - http://professorpadua.blogspot.com.br/
b) Curta a nossa página - https://www.facebook.com/pages/Professor-Pádua/163391750483474
c) Nos ADD - https://www.facebook.com/professorpadua.ipb