domingo, 21 de setembro de 2014

JULGAMENTO - Professor Pádua


Há um julgamento à espera de cada um de nós. Se não há julgamento, as palavras da Bíblia não tem qualquer significação. Negá-lo é tratar com leviandade as Escrituras. Há um julgamento que nos aguarda, de acordo com as nossas obras, e será seguro, estrito e inevitável.

Importantes ou não, ricos ou pobres, eruditos ou incultos, todos teremos de comparecer diante do tribunal de Deus e receber nossa sentença eterna. não haverá escapatória. Esconder-se será impossível. Nós e Deus haveremos enfim de nos encontrar face a face. Teremos de prestar contas de cada privilégio que nos foi concedido, e de cada raio de luz desfrutado.

Descobriremos, por fim, que somos tratados como criaturas responsáveis que terão de prestar contas, e que, a quem muito é dado, muito lhe será exigido (Lc 12.48). Lembremo-nos dessa verdade por todos os dias de nossa vida. que nos julguemos a nós mesmos, para não sermos condenados pelo Senhor (I Co 11.31-32).

Nenhum comentário: